Horário: De terça a sexta-feira: 10h00-18h00. Sábados e domingos: 9h30-13h00.

Rua Alfredo Guimarães

4800-407 Guimarães

Espaços

Espaços

O que esperar

A melhor visita a um museu, a qualquer museu, deve ser feita em corpo e em alma! Não há nada que substitua a presença física do visitante dentro do espaço do museu. O espírito do local só se consegue sentir em plenitude quando estamos lá, em corpo e em alma… No entanto, ao dar-se a conhecer um museu através de um ecrã de computador pretende-se despertar no visitante virtual a vontade de ir lá, àquele museu que vê alinhado em palavras e em imagens. O que aqui vos propomos é essa visita virtual a um museu que nasceu onde nasceu Portugal, o Museu de Alberto Sampaio.

Mal acaba de entrar no Museu, logo o visitante é convidado a sair! Sim, é verdade. Ainda a refazer-se da modernidade acolhedora do espaço da Receção, é convidado a sair para o Claustro, o belo claustro do Museu de Alberto Sampaio.

Este museu reúne em si duas essências primordiais – um edifício carregado de história e uma coleção emblemática, quase toda ela, concebida para aquele espaço. Há peças que aqui se encontram há muitos séculos!

Claustro

Claustro e jardim do Museu

Sala de Ourivesaria

Sala de ourivesaria.

Sala de Aljubarrota

Sala de Aljubarrota

Sala de Pintura a Fresco

Sala de Pintura a Fresco

Sala de Pintura e Escultura

Vista de parte da Sala de Pintura e Escultura

Sala de Santa Clara

Sala de Santa Clara, com escultura e talha.

Sala da Talha

Sala da Talha

Sala do Capítulo

Teto da Sala do Capítulo com pintura de brutesco. Século XVIII.